segunda-feira, 27 de maio de 2019




C. CAÇ. 3441

25 DE MAIO DE 2019

Mais um ano e mais um reencontro desta família iniciada por volta de junho de 1971 em Évora.

48 anos depois, já quase com tantos netos quanto os avós, voltámos ao abraço e às 

recordações dos bons e maus momentos, felizmente quase todos ultrapassados com 

maior ou menor dor e sofrimento.

Com a ausência sempre relembrada dos que demasiado cedo partiram, comungámos da 

sua lembrança e saudade.

É, e continuará sempre a ser, um privilégio ter-vos tido como militares da Companhia 3441, 

que a História e as vicissitudes dos tempos e da política me levaram a comandar em 

circunstâncias que um dia a própria História há de julgar para o bem e para o mal, 

traduzidos na amizade que sobrou e no sofrimento de que todos padecemos.

Não posso deixar de aqui exarar, mais uma vez e  com a emoção de sempre, um enorme 

abraço de agradecimento pela vossa amizade e inestimável contributo para o sucesso da 

campanha que todos fomos compelidos a levar a cabo.

Pedro Cabrita
Ex-capitão miliciano













E porque, volvidos todos estes anos muitos dos que formaram a C. Caç. 3441 desconhece a história do capitão que vos calhou em sorte, deixo-vos um breve documento da minha história.
Esta intervenção teve lugar na apresentação de um livro de um outro companheiro também capitão miliciano, que me deu o privilégio de apresentar o seu livro "Capitães do fim do quarto Império".






sábado, 26 de maio de 2018



26 de maio de 2018

Encontro dos ex-militares da C. Caç 3441

Uma família com quase 47 anos de vida. Quase meio século.
Uma família unida pelas vicissitudes de uma guerra e ainda viva pelos elos 
da solidariedade e indelével sentimento de unidade fraterna dos seus membros.
Cada reencontro é para mim sempre um momento de grande emoção, como aliás acontece quando uma família se reencontra.
Gostaria de deixar claro e bem vivo que vos trago a todos, e desde sempre, no meu mais elevado apreço e consideração.
Nenhum de nós escolheu a guerra mas a guerra acabou por fazer de nós uma unidade que nos congregou para lá dela e fez de todos um só corpo de amigos de que me orgulho.
Bem hajam e... até sempre!

Pedro Cabrita
































Obs. Lamentavelmente os vídeos colhidos no encontro são demasiado pesados para exibir aqui. Aguardam-se mais algumas fotos que outros companheiros recolheram para acrescentar aqui posteriormente.


domingo, 28 de maio de 2017

ENCONTRO ANUAL DA C. CAÇ 3441

MAIO 2017

Mais um ano, mais um encontro, mais um revisitar de uma memória com mais de 40 anos.
Contudo, a sensação que fica é que nunca nos deixámos de ver. No fundo todos ficámos por dentro uns dos outros. Uma unidade que nos preserva esta amizade e esta necessidade de nos revisitarmos em cada ano.
Gostei de vos ver e no próximo ano lá estaremos de novo renovando o desejo de, pelo menos por umas horas, ficarmos por perto uns dos outros. Até lá.

















https://pedrocabrita.wordpress.com/artigos-publicados/sociedade-e-politica/artigos-publicados/a-problematica-dos-capitaes-milicianos-na-guerra-colonial/